Compras no exterior, o que eu posso e o que eu não...

Compras no exterior, o que eu posso e o que eu não posso trazer?

273 15657

Segundo o Bom dia Brasil da Rede Globo, no ano passado, a Receita Federal bateu um recorde. Nunca antes na história teve tanta apreensão de mercadorias no desembarque de passageiros.

Afinal que compras no exterior posso fazer?

Aos viajantes que vêm do exterior, uma câmera fotográfica, um celular e um relógio de uso pessoal estão liberados. O

malas voltando de miami
Umas “comprinhas”

restante, mesmo roupas, maquiagens e perfumes, também entram na cota junto com outros eletrônicos. As compras isentas de imposto não podem passar de US$ 500. Se os produtos ultrapassarem a cota, o passageiro vai pagar 50% do valor excedido e, se não tiver declarado, recebe multa. (ATENÇÃO : Segundo essa regra iPad, iPod não estão liberados como é a suposição geral!)
Veja todas as regras no site da Receita Federal

Posso trazer um iPhone 5 de Miami?

Atenção a Receita federal entende que para o equipamento de uso pessoal não ser inserido na cota de US$ 500 que você tem direito, ele deve estar em uso. Por isso você não pode levar seu celular e vir com dois celulares no Bolso. O celular inclusive deverá estar habilitado. Por isso se pretende comprar, por exemplo, um iPhone 5 desbloqueado em sua próxima viagem a Miami, procure não levar seu celular. Leve somente o chip e já o coloque em uso em seu retorno ao Brasil para evitar aborrecimentos em sua passagem pela alfandega.

Posso declarar um notebook na saída caso queira levá-lo em minha viagem ao exterior?

Não. A “Declaração de Saída Temporária de Bens“, foi extinta em 2010, quando os viajantes podiam declarar computadores e câmeras que estavam levando na bagagem antes de sair do país. Segundo a receita essa declaração foi extinta pois estava servindo para “esquentar” bens importados ilegalmente. Caso você tenha um bem (computador pessoal, filmadora)  comprado no exterior em uma viagem anterior e precise sair com ele do pais precisará, caso seja parado na alfandega, mostrar o o documento de ‘prova de regular importação‘ que o viajante recebe quando declara um produto importado. Ele serve como garantia especialmente para quem costuma levar notebooks e tablets importados em viagens internacionais. “Sempre que você trouxer um equipamento importado, a fiscalização pode questionar se esse equipamento está sendo importado naquela viagem ou se estava regularizado no Brasil em uma viagem anterior”, alerta.Em minha última viagem evitei de levar meu Macbook pro de 13″, pois mesmo usado ele poderia, caso eu fosse parado na alfândega, ser taxado como novo.

Tem gente que nos pergunta se comprar um iPad ou Macbook, jogar a caixa fora e colocar umas fotos antigas etc, vai dar para dizer que ele é antigo e já saiu do Brasil quando ele foi para o exterior. Isso não cola. Caso você tenha comprado um equipamento qualquer aqui no Brasil e precise sair com ele do pais, procure levar a nota fiscal para eviar aborrecimentos em seu retorno. Normalmente os equipamentos nacionais ou nacionalizados tem uma etiqueta da ANATEL que provam que o mesmo foi produzindo aqui ou importado por vias legais, mas se você tiver a nota fiscal do bem é mais fácil levá-la.

Mas vale a pena comprar um iPad no exterior?

Veja uma simulação feita pelo site G1 e mesmo pagando o imposto ainda assim vale a pena você comprar um iPad no exterior, sendo que a simulação levou em consideração o dolar a R$ 2,00. Hoje o dolar está em torno de R$ 2,18, logo vale mais a pena ainda.

A regra para o pagamento do tributo é a seguinte: Quando declara bens adquiridos no exterior, o viajante paga 50% do excedente da cota de US$ 500, caso opte por nao declarar ele poderá ser obrigado a pagar 100% do que exceder a cota.

Confira no infográfico a simulacão do portal G1.

vale a pena comprar ipad no exterior?
Fonte: Portal G1

Estando na quota de U$ 500 posso trazer quantos itens eu quiser?

Não. Além do limite em dinheiro, o viajante deve ficar atento à quantidade de itens que pretende trazer do exterior. Para coibir o comércio indevido de itens importados, a Receita Federal estabeleceu quem, mesmo sem ultrapassar a cota de US$ 500, o viajante pode somente trazer um limite de 20 itens com valor inferior a US$ 10, sendo até cinco itens idênticos, e 20 itens com preço superior a US$ 10, considerando até três itens idênticos. Cremes, roupas, video games, cds, tudo se inclui nesta regra, portanto todo cuidado é pouco.

A Receita Federal também tem outras restrições e recomendações. Se você vai viajar, veja algumas dicas:

Como proceder com a bagagem acompanhada na chegada ao Brasil?

  • Todo viajante que tenha bens a declarar deve preencher a Declaração de Bagagem Acompanhada (DBA), que é fornecida pelas empresas de transporte, agências de viagens ou obtido nas repartições aduaneiras;
  • O viajante que traz outros bens cujo valor global exceda a cota de isenção, mas que não excedam os limites quantitativos de bens, deve pagar o imposto de importação, calculado à base de 50% do que exceder a cota de isenção;
  • O viajante que exceder os limites quantitativos de bens deverá providenciar o despacho de importação dos bens excedentes sob o regime de tributação comum;
  •   Se não for possível o pagamento do imposto no momento do desembarque, os bens sujeitos à tributação são retidos pela Aduana. A liberação dos bens é feita depois da apresentação do Termo de Retenção e do comprovante do pagamento do imposto ou após o fim do despacho de importação sob o regime de tributação comum;
  • Alguns medicamentos estão sujeitos a controle especial pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e só poderão entrar no país após a manifestação favorável da autoridade sanitária. Tenha sempre em mãos a receita médica, que indique o nome e domicílio do paciente, posologia ou modo de uso do medicamento e a periodicidade do tratamento.

Fique atento:

 

  • As mercadorias que revelem finalidade comercial, se não forem declaradas pelo viajante, antes de qualquer ação da fiscalização aduaneira, sujeitarão o viajante a multa ou, até mesmo, a apreensão das mercadorias, para fins de aplicação da pena de perdimento;
  • As pessoas físicas só podem importar mercadorias para uso próprio;
  • Ao deixar de preencher a DBA, nos casos em que seja obrigatória (escolha indevida pelo setor “Nada a Declarar”), equivale a efetuar declaração falsa e acarreta multa de 50% do valor dos bens que exceder a cota de isenção;
  • A ocultação de bens, qualquer que seja o processo utilizado, pode acarretar o seu perdimento em favor da Fazenda Nacional Brasileira, além de outras penalidades previstas na legislação brasileira.
  • Como parte do seu trabalho, as autoridades aduaneiras podem questionar os viajantes a qualquer momento, assim como inspecionar as suas bagagens, declaradas ou não. Em caso de dúvida, o viajante deve declarar seus bens ou solicitar informações junto à fiscalização aduaneira;

O que o viajante não pode trazer do exterior:

 

  • Objetos destinados a revenda ou a uso industrial;
  • Cigarros e bebidas fabricados no Brasil, destinados à venda exclusivamente no exterior. Além de cigarros de marca que não seja comercializada no país de origem;
  • Brinquedos, réplicas e simulacros de armas de fogo, que com estas se possam confundir;
  • Espécies animais da fauna silvestre e espécies aquáticas;
  • Produtos com marcas falsificadas, alteradas ou imitadas;
  • Mercadorias “pirateadas”;
  • Substâncias entorpecentes ou drogas.

A Receita Federal oferece algumas orientações sobre a declaração de bens em viagens ao exterior em forma de cartilha.

 

Guia de viagem ao exterior da receita federal

Clique aqui e baixe o arquivo em pdf (necessário adobe reader).

Para um Roteiro Personalizado de compras e passeios em Miami clique aqui.

 

Bem o assunto é bem complexo e quem vai viajar deve dar uma boa pesquisada se quer trazer algum produto específico, para não correr o risco de ser retido na alfandega.

Boa viagem e boas compras :)

Se vc curtiu ler este post no Guia Mais Miami então se torna nosso Fã no Facebook, vai lá. Clique aqui. Obrigada!

Marcos

Fontes: Bom dia Brasil da Rede Globo, Portal G1

Post atualizado em 21/12/2012  –  após o mundo não ter acabado :)


273 Comentários

  1. Prezada Lilian, estou morando ha dois anos na Australia e possivelmente voltando a morar no Brasil no ano que vem. Trouxe do Brasil para ca computador, videogame e etc. Com meu trabalho aqui adquiri outro computador, caixas de som (para meu trabalho), videogame mais atual e televisao de 42 polegadas. Como faco para voltar ao Brasil com isto? Posso passar com tudo como bagagem acompanhada? qual seria o procedimento e opcoes no meu caso? muito obrigado. Ricardo

  2. Oi Lilian tudo bem? queria tirar algumas duvidas com você estou querendo viajar para Miami em março, estou indo pela primeira vez queria saber se roupas e tênis tem quantidades, e queria trazer relógios e óculos tb mas tenho muitas duvidas, e medo.

  3. Ola! Esse blog esta’ sendo bem util, parabens!

    Bom, vamos as duvidas… estou indo para Miami a semana que vem e pretendo trazer de maior valor um PS4, so’ ele corresponde a usd 400, entao e’ certo que eu vou passar da cota de usd 500.
    Eu estou pensando em declarar somente o PS4, o que voces acham? Sera’ que vai chamar atencao se eu declarar somente ele?
    Outra duvida, e’ melhor traze-lo na bagagem de mao?

    Obrigada
    Elizana

    • Oi Elizana, Obrigada!
      Vc deve declarar tudo que comprou pois se vc for pega mentindo vc pode pagar multa alem do imposto. Vc quem decide.
      Eu levaria o PS4 na bagagem de mao comigo por ser mais seguro. Coisas caras eu gosto de levar comigo.
      bjs e sorte

      • Desculpe a invasão na conversa é que eu não achava como comentar, e ando meio desesperada. Estou no EUA por 6 meses a estudo e comprei um macbook e uma câmera profissional para mim, e estou morrendo de medo de pagar taxa. Eu corro esse risco? Eu tenho que declarar os dois? Espero por favor que me responda.

        • Patrícia, eu trouxe minha cãmera e não declarei, declarei o ipad, mas a cãmera não por ser de uso pessoal, não sei se foi aqui Guia Mais Miami (pois viajei somente com as dicas da Lilian) que li que um celular, uma câmera, um relógio e uma bolsa eu poderia trazer sem problemas, então, comprei câmera lentes , bolsas, Iphone e relógio e trouxe sem problemas, sem declarar. Mas o IPAD eu declarei. Perfumes não entram na sua cota, até onde sei vc pode comprar 500 doletas e eu deixei para comprar na chegada ao Brasil.
          Quanto a resposta da lilian, ela como uma jornalista responsável, tem que de fato lhe orientar declarar, já que é o correto. Mas como ela mesmo disse é um risco não declarar.
          Então baseada na minha experiência (que são poucas) Declare somente o MAC…pois a câmera vc entra com ela na sua bola de mão ou bolsa a parte ao embarcar E o iphone se tiver pode entrar com ele em uso chip de preferência do Brasil. Perfumes vc pode comprar 500 doletas e até onde sei não entra na sua cota.

          • Célia obrigado pelo seu comentário extremamente esclarecedor e completo.
            Você esta certa quanto a câmera de foto, iphone, relógio ( e óculos também), esses itens são considerados de uso pessoal e não são incluídos em sua cota, ou seja, você pode entrar com eles + os U$500.
            O Ipad e perfumes devem sim ser declarados pois não estão inclusos na cota.
            Mais uma vez obrigado pela sua ajuda para a dúvida da Patricia.
            Abc

          • Oi Celia! Obrigada pelo carinho e por responder a pergunta de um leitor! Seria legal se todos fizessem isso, pois em algumas partes da viagem vcs sabem mais do eu! Celia, vc disse que nao declarou algumas coisas…mas vc foi parada pela alfandega? eles abriram sua mala etc?
            Fico feliz em saber que vc viajou somente com minhas dicas! TOP TOP TOP! Depois me escerve um relato da sua viagem?
            obrigada e beijos

  4. Marcos, tenho uma super dúvida. Quero comprar uma câmera, um celular, roupas e perfume. Igualmente minha esposa fará, com exceção da câmera que ela não vai comprar. Minha pergunta é se, eu posso passar a câmera na cota do meu filho de 3 anos e as coisas que pretendemos comprar para ele, tipo brinquedos e roupas infantis, passaríamos na nossa cota. Portanto meu filho teria apenas a camera de mais ou menos 700 dolares, enquanto nós teríamos um monte de outras coisas que não devem ultrapassar 500 dolares da um. O que eu faço. Por favor, estamos preocupados. Obrigado.

    • Relaxa Marcelo, isso já esta funcionando normalmente. Você pode sim trazer uma camera, um celular, um relogio e um oculos de sol. Sinceramente não lembro mais da pagina da receita, mas tinha um link em um de meus posts, procure ai companheiro :)
      Mas cuidado: iPad e computadores tipo laptop não entram nesta regra e vc pode so trazer um item por passageiro, logo no sue caso, tres cameras, treis celulares, tres oculos etc ok?
      abcs e depois volta aqui para contar para a gente
      boa viagem

      • Amigos, pode ser bobice a minha, posso estar chovendo no molhado, mas não vi ninguém comentando sobre isso aqui, por isso resolvi compartilhar. Acabei de achar dentro do site da RFB um App chamado Receita Federal Viajantes, tem tudo o que a gente precisa, regras, exemplos, videos dos próprios fiscais da Receita. Não desmerecendo Marcos e Liliam, que por sinal são maravilhosos em responder nossas dúvidas, mas é um APP oficial qu podemos levar conosco, caso nos sentirmos “prejudicados”. Eu só queria ter uma comprovação que podia trazer uma câmera, um celular, um relógio, um óculos, achei esse APP e lá está tudo bem explicadinho. Valeu, espero poder ajudar outros colegas com esse post. Abraços

          • Eita, não sei como fazer isso, mas o APP eu baixei no Google play no meu tablet, mas vi que tem uma versão para IOS, então acho que é facil baixar pelo sistema que cada celular tem para baixar aplicativos. É só procurar pelo nome. Espero ter ajudado.

  5. Primeiramente parabéns pelo site, as informações são muito valiosas. Estou com uma dúvida, vamos em julho pra Disney via Miami, eu, meu marido e minha filha de de 9 anos.
    Não pretendo trazer nada de muito valor, só roupas, uns presentinhos e um carrinho de bb, mas meu marido quer trazer uma guitarrra e um amplificador, ele vai declarar pois tudo vai custar uns U$2 mil.

    Minha dúvida é se devemos passar todos na fila dos declaráveis, afinal tudo justo vai passar da cota ou devo passar com minha filha e as coisas pequenas nos não declaráveis e ele passa sozinho nos declaráveis.

    Outra dúvida, posso trazer um carrinho de bb dentro do avião sem ter que pagar excesso, mesmo não tendo um bb?

    Agradeço a ajuda.

    • Andrea,
      se vcs duas nao vao ultrapassar a cota podem passar na fila dos nao declaraveis, sem problemas. Quanto ao carrinho vc pode sim trazer mas despachado e deve dar excesso de bagagem, mas sem problemas tb, não será necessário mostrar uma barriga de grávida não rsss.
      Boa viagem

  6. Olá boa tardee!

    Então gostaria de tirar uma duvida.
    Minha amiga vai para o exterior, e vai trazer um iphone pra mim. Porém ela quer trazer um pra ela também.
    Falei pra ela não levar celular pra lá, e trazer o outro fora da caixa.
    No caso, os dois sairiam como uso pessoal? Porque se ela não vai levar celular, ai vai trazer um usando e outro novo… Enfim, espero que vocês tenha entendido kkkkk. Att

    • Monique infelizmente só é permitido um celular por passageiro. ( na mala, na mão, no cinto, co chapeu, rss) Só um é considerado de “uso pessoal”. o segundo deve(ria) pagar o tributos …
      Boa sorte

  7. Qual a melhor loja em Miami para compra de eletrônicos ?? Pelo que vi os shoppings não são a melhor opção… É isso mesmo ??

  8. Comprei uns Iphones em minha ultima viagem aos EUA, e os trouxe na mala .
    Depois pedi para meu amigo me enviar do exterior as caixas vazias do iphone 4s mas a receita proibiu a entrada alegando a importaçao da caixa vazia…..
    isso não é o cumulo do absurdo?

    • Bem Douglas se for analisar não é tão absurdo assim… Imagine se você consegue entrar com vários iphones na mala e depois manda as caixas via correios? ai vc vende os iphones com caixinha e tudo :) Com certeza não foi esse o seu caso, mas tem que pensar em tudo concorda?
      Bem já temos a facilidade de entrar com um celular, o que ja esta bom demais ao meu ver…
      obrigado pelo seu relato.

  9. Boa tarde.
    Parabéns pela iniciativa. Tenho uma dúvida. Minha irmã mora na Itália e me presenteou com um quadro e não sei como avaliar o valor pq o pintor não é famoso. Eu terei algum problema em trazer obras de arte sem valor comercial na bagem quando voltar de Roma? Obrigada.

  10. NÃO MAS EU QUERO COMPRAR LA PRA TRAZER AKI PRO BRASIL E EU JA ARRUMEI UMAS 20 PESSOAS Q FALOU PRA MIN TRAZER UM GALAXY S4 Q SAI MENOS DE 1.000 LA E AKI E 2.300, E SEI SE TRAZER UNS 20 CELULARES DE UMA VEZ PRA REVENDER PRA ELES POSSO TER PROBLEMAS NÉ ?? E GOSTARIA DE SABER QUAL A PORCENTAGEM Q VOU PAGA NA MERCADORIA TODA ?? ABRAÇOS!!

  11. olá marcos queria saber se eu for nos Eua E Trazer uns 20 celulares de la para revender aki ,posso trazer de uma vez ?? E se poder, qual a porcentagem q vou paga de imposto na mercadoria toda ??

  12. Oi,
    Eu comprei um ipad no brasil, e estou levando um celular aqui da Alemanha de 320 euros, sera que vai sair como uso pessoal?

  13. Ola, eu vou pra Miami em breve e vou levar poucas roupas pra comprar lá. Tbm vou comprar um iphone. Vou tirar todas as etiquetas das roupas e etc, vai ser somente pra uso proprio, se exceder o limite dos $500 tem como eles saberem ja q as roupas vao estar sem as etiquetas? E outra coisa, ja q o iphone vai estar cmg como se ja fosse meu, eles vao me fazer pagar impostos ja q o valor do iphone com as roupas passa de $500? Obrigada

  14. Gostaria de saber se eu comprar uma filmadora de U$ 2000,00 poderia passar como uso pessoal,ou terei que pagar 50% sobre os U$1500,00 excedentes .
    No caso traria sem caixa,so com case e ja usaria ela la.
    Nao trabalho no ramo de filmagem.
    Se nao declarar corro risco de perder o produto ou so pago a multa + imposto?
    Qual seria o valor da multa +imposto no caso?

  15. É o seguinte em agosto vou para a Disney e pretendo trazer um iPhone 5s: US 700
    PS4: US 430
    All in One: US 960

    oq eu pagarei de imposto de importação
    Obs: todos os produtos com a taxa de imposto de orlando

  16. boa tarde.
    óculos se refere a uso pessoal???
    Pois pretendo comprar 5 óculos. Gostaria de saber, caso eu tenha que pagar os impostos sobre os óculos, seria em cima dos de 5 ou 4 óculos, retirando ao de uso pessoal.

    • Se voce tiver 5 cabeças ou 5 pares de olhos, pode trazer 5, se tiver so uma cabeça ai so pode trazer um par e os outros 4 serão taxado por ultrapassarem sua cota de uso pessoal (1 no caso) :)

  17. Boa tarde Marcos Rocha!

    pretendo trazer duas cameras fotograficas uma com valor $2796 e outra com valor $400. Qual delas pagarei imposto, pois sei que tenho direito a uma para uso pessoal.

  18. Olá, eu estou nos EUA há 6 meses e volto pro Brasil agora. Estou querendo levar um ps4, violão e dois celulares (o meu e um para presente), além de roupas e bens pessoais. Eu estou com dúvida de como será taxada as minhas coisas.
    Obrigado.

  19. Bom dia Lilian e Marcos, li no Post sobre a questão do notebook, eu preciso levar meu notebook, pois apesar de estar em férias, preciso entregar alguns trabalhos, minha dúvida se resume a isso, meu note foi comprado no Mercado Livre, tem nota fiscal emitida pelo vendedor, porém não possui os tão falados selos da Anatel, existe algum problema em caso de seu ser parado na alfandega? O note tem nota, mas não tem os selos da Anatel.

    Uma outra dúvida é sobre a questão de bebidas, cigarros, e afins. O valor pago por exemplo em duas garrafas de vinho eles serão abatidas na minha cota?

    Muito obrigado e parabéns pelo Post

    • se comprar vinho no free shop tem uma cota extra de 500 dolares.. duas garrafas vindas do exterior nao consideraria para cota…
      notebook se tiver nota de emissao no Brasil leve-a e acredito que nao terá problemas , desde que conste serial number da maquina na NF
      boa sorte e depois conta para gente

  20. Olá.
    Eu estou na Europa, vou voltar ao Brasil logo, como eu comprei produtos aqui, no aeroporto eu ganharei alguns euros pelo imposto que eu paguei nos produtos que comprei aqui, eu gostaria de saber se eu tenho que trocar o euro por dólar ou pelo real, pois quando eu chegar ao Brasil lá terei que pagar o imposto, e eu não sei com que moeda paga, acredito que seja o dólar, mas não tenho certeza.
    Falar nisso, tem um produto que eu comprei que em sua nota ele não está sozinho, tem mais um produto listado na nota, porém o produto listado lá foi para presente e não vai estar comigo, ou seja, se eu chegar ao Brasil e mostrar essa nota, eles vão me cobrar o imposto desse produto mesmo eu não estando levando ele comigo? Obrigado desde já.

    • Complexa sua pergunta, na verdade sao varias
      impostos e taxas a serem pagas no Brasil sempre em REAL, moeda oficial deste pais…
      so se cobra imposto sobre o produto que vc tem consigo durante a passagem na alfandega,
      boa sorte

  21. Boa tarde Marcos,
    tenho uma dúvida a tirar com você.

    Pode parecer uma dúvida leviana, mas creio que seja a de muitas pessoas por aqui.

    Pelo que entendi, existe esse limite, de U$500, que alguns itens, quando comprados e excederem esse valor, paga-se 50% do excedente.

    Isso vale para qualquer produto que exceda U$500, correto?
    Caso eu leve por exemplo 2 itens de cada,como 2 ipads, 2 iphones, roupas, o que é sempre comum, pois sempre há parentes querendo , pagarei os impostos sobre o que exceder U$500 normalmente e não serei notificado pela alfândega?

    Outra pergunta é que vi em um post acima, que você informou um colega que óculos de sol não há esse limite, isso é correto? Ele entra também nessa regra? Tenho de estar usando-o também ou posso trazer mais de 1 para familiarem, sem a indicência do imposto?

    Grato,

    Andre

    • A cota nao é por produto e sim por valor.. o Valor da cota de cada passageiro é de 500 dolares, ok? se você ultrapassar 500 dolares deve declarar ao entrar no Brasil.
      Estão fora da cota celular , oculos, relogio, camera fotográfica, (um de cada) .
      Para outras Dúvidas ou maiores esclarecimentos acesse o site da receita federal.

      • Marcos, muito boa essa sua apresentação. Você poderia passar o link da recita onde oficialmente isso é informado? Eu fiquei mais de 1 hora lendo tudo que aparecia no site, mas não vi nada parecido com isso. Eu me encaixo exatamente nisso, quero trazer uma câmera, um relógio, um celular e um óculos, tudo um e só para uso pessoal. Gostaria de imprimir a página da receita onde fala disso para me resguardar, caso tenha problema na chegada ao Brasil. Obrigado.

  22. BOM DIA.,

    POR GENTILEZA ME TIRE UMA DUVIDA,
    COMPREI DE UMA EMPRESA 60.000US NOS EUA EM PRODUTOS QUE VEM POR NAVIO COM TODOS TRAMITES LEGAIS, SE EU QUISER TRAZER PARTE DESTE MATERIAL COMIGO NO AVIAO
    DIGAMOS R$ 10.000US QUE SERAO DESTINADOS A REVENDA POIS TRABALHO COM LOCAÇAO DE EQUIPAMENTOS XEROX PRECISARIA DE ALGUMA DOCUMENTAÇAO ESPECIAL? MESMO DECLARANDO ESTE VALOR ? CORRO O RISCO DE PERDA DO PRODUTO?COMO DEVERIA PROCEDER ATENCIOSAMENTE

  23. Oi, tenho uma dúvida. Se eu levar um vídeo game meu que comprei no Brasil, eu pagaria algum imposto ou eles apreendiam? (o console é umXbox one)

    Obrigado!

  24. Olá pessoal. Acho que meu caso é especial e gostaria por favor que alguém me desse alguma orientação. Eu sou colombiano e moro no Brasil há dois anos. Minha esposa brasileira está grávida e vai ganhar o bebê em janeiro se Deus quiser. Minha família que mora na Colômbia quer mandar como encomenda varias peças de roupa e um carrinho para o bebê. Minhas dúvidas são:
    1. Tenho que pagar algum imposto aqui no Brasil quando eu receber as mercadorias?
    2. Se tenho que pagar algum imposto, alguém sabe quanto é a porcentagem desse imposto?
    3. Eu posso receber a encomenda na minha casa ou vou precisar ir na alfândega para fazer o processo de liberação?
    4. Caso minha mãe venha ao Brasil, ela pode trazer essas coisas como sua bagagem sem precisar declará-las?

    Muito obrigado desde já pela ajuda.

    • Harold, dependendo do valor você ira para os impostos de acordo com o que esta detalhado no post, leia-o novamente.
      Se houver importo a pagar você terá que ir retira-lo no predio do correios que tem a agencia da Receita federal , em SP fica perto da Ceagesp.
      Se sua mae vier ao Brasil pode trazer sim, sem declarar somente se nao ultrapassar 500 dolares
      Boa sorte

  25. Oi,meu pai toma medicamento q só tem na Argentina, posso trazer de lá? Qtas caixas? Necessito da receita? Ou só ele pode trazer? E se eu fizer uma receita no meu nome posso trazer qtas caixas? Obrigada, abraço.

  26. boa noite, meus pais vão para new york em maio, e vão trazer eletrônicos de presente, é possível trazer sem ter que pagar a multa de 50%, 2 iphone, 1 ipad e uma máquina fotográfica, sem fins lucrativos

    • Rafael,
      dois iphone ->OK desde que eles nao levem os seus celulares e voltem com o iphone como se estivessem usando
      ipad – nao entra na cota, mas normalmente os fiscais tem liberado, mas corre-se o risco
      maquna fotografica – idem iphone
      Gostei do termo “sem fins lucrativos”:)
      boa sorte

  27. Amigo,me tire uma dúvida, por gentileza:
    Essa semana estou embarcando para Cancun com minha namorada. Na lista de coisas que iremos comprar constam perfumes, roupas e cosméticos. Vou aproveitar e comprar um Ipad, uma maquina fotográfica boa e dois PS4. As minhas dúvidas são as seguintes:
    a) o Ipad entra na cota de U$ 500,00 ou não entra ??? Muita gente ta me falando que o ipad equipara-se a um notebook, e portanto, nao entraria.
    b) a máquina parece que nao entra mesmo, correto ??
    c) o PS4 creio que entra. No México o PS4 está em torno de U$ 600,00, logo, pagaria 50% do que excedesse???

    Abraços

    • ipad é sim tributado, assim com o notebooks, alguem te deu informaçao errada
      maquina nao tributado, nem oculos, nem relogio ( um de cada)
      sim vc paga 50 do que exceder se declarar

  28. Eu e minha esposa estamos morando no Canadá há 5 meses e planejamos voltar para o Brasil para passar o Natal com nossa família.

    Pelo o que li, seria possível cada um [b]levar 3 videogames Playstation 4 como presente (3 unidades idênticas acima de US$10,00), declararando-os na e-DBV e pagando 50% de imposto[/b] por todos os produtos que ultrapassarem a cota de US$500,00, inclusive os videogames, claro.

    1- Será que eles podem nos barrar, multar, apreender… dizendo que é para comércio? Ou estando dentro deste limite e sendo para presente, eles só vão nos cobrar o imposto?

    2- Posso escolher entre pagar o imposto em dólar ou real? Pois eu comprei dólares a R$2,00, hoje esta R$2,3…

    3- O PS4 custa C$400,00, mais C$60,00 de imposto do Canadá. Pagaria o imposto no Brasil em cima de C$400,00 ou de C$460,00?

    4- Eu devo declarar somente o que passará da cota, ou devo declarar TUDO, até os “itens pessoais” como roupas e perfumes, camera fotografica que use aqui (comprei aqui camera que vinha 2 jogos de lentes $700, com imposto $800)?

    Obrigado!

    “O [b]limite quantitativo[/b] corresponde a:
    f) bens não relacionados nos itens “a” a “e”: 20 unidades, no total, desde que não haja mais do que [b]3 unidades idênticas.[/b]
    —————————————-
    Entende-se por bagagem os bens novos ou usados do viajante, compatíveis com as circunstâncias
    de sua viagem, destinados ao seu uso ou consumo pessoal, [b]bem como destinados a presentear[/b], que,
    pela sua [b]quantidade, natureza ou variedade[/b], não permitam presumir importação ou exportação com
    finalidade comercial ou industrial.”
    —————————————-
    3.5. Qual o tratamento tributário aplicável no caso de um viajante ingressando no País, pela via aérea, com os seguintes bens:

    10 litros de bebida alcoólica, no valor unitário de US$ 30,00;
    5 brinquedos iguais, no valor unitário de US$ 6,00; e
    2 videogames, de valor unitário US$ 300,00.

    – Como o viajante não excedeu nenhum limite quantitativo, será tributado pelo regime especial (50% do que exceder a US$ 500,00).

    Considerando-se um total de US$ 930,00, e isenção em relação a US$ 500,00, a base tributável é de US$ 430,00 (à alíquota de 50%), chegando-se ao tributo devido de US$ 215,00, a ser convertido em reais.”

    • Wallace são muitas duvidas especificas e não é nosso objetivo no site dar informações tão especificas.
      Por favor entre em contato com a receita federal do Brasil se quiser maiores esclarecimentos
      boa sorte

  29. Oi Marcos, a minha filha irá fazer High School e para me ambientar fico vendo vídeos, em todos os vídeos vejo que as primeiras coisas que o pessoal faz quando chega é comprar celular e note, daí eu fico pensando se eles deixam para comprar lá pelo preço ou se é porque não se pode levar estas coisas quando se vai ficar bastante tempo? Porque sei que viagens curtas não tem problema. Se tiveres um tempinho para me responder agradeço.

    • Leia pelo preço vale a pena comprar por la.. veja so um Iphone 5s comprado la para ser usado no Brasil 750 dolares, para um morador americano com planos da AT&T sai por menos de 200 dolares.. Aqui no Brasil o Mesmo iPhone 5s esta sendo vendido a partir de 3100 reais… veja a diferença. No notebook acontece o mesmo.
      Se ela vai ficar por la um bom tempo vale a pena chegar la e comprar por la.. O iphone por exemplo pode entrar sem pagar taxa e sem inclui-lo na cota de 500 dolares, pode haver problema na hora de entrar com um notebook, mas muita gente vem relatando que os fiscais tem liberado notebooks como itens de uso pessoal (mesmo nao estando previsto na lei).. acho que vale a pena sim comprar tudo lá..
      boa sorte com a filhona!

  30. Oi Pessoal, fiquei com uma dúvida em relação ao post. Caso eu traga mais de 20 itens abaixo de 10 dolares e mais de 20 itens acima de 10 dolares, eu preciso “providenciar o despacho de importação dos bens excedentes sob o regime de tributação comum”. Mas como eu faria isso? Eu gostaria de trazer maquiagens para uso pessoal…e talvez passe dos 20 itens…uma outra dúvida também é, por exemplo se eu comprar um kit de 20 pincéis de maquiagem, entraria como item separado ou apenas um item? Pequenas coisas de 1-2 dolares também entram nesses limites de 20 unidades? Fico no aguardo de suas respostas.

    • Patricia o que tem que fazer eu sei, como tem que fazer já me complicou..
      Entre em contato com a receita federal e esclareça.
      Mas se for so coisa pequena, para uso próprio : DESENCANA!
      Boa viagem

      • Ola!!! Uma amiga minha ira viajar para os eua em breve…
        Pedi para ela que comprasse um ps4 para mim…
        O ps4 la esta sendo vendido por 400 doletas….
        Mas a minha duvida é se esse limite de 500 dólares é para cada produto comprado ou para o conjunto dos produtos comprados???
        Ex: um ps4 + celular de $200 = 600 dolares no total…
        Os 500 vale para cada produto ou ao conjunto??

  31. oi eu vou viajar para os estados unidos e quero comprar uma iphone 5s mas gostaria de levar o meu iphone que comprei no brasil , gostaria de saber se consigo trazer o iphone sem pagar taxa?

  32. Se acabaram com a “Declaração de saída temporária de bens”, como faço então para viajar com um ipad comprado no exterior? Comprei meu ipad no aeroporto da Cidade do Panamá há uns 5 meses e passei direto pela alfândega quando voltei ao Brasil (ou seja, não paguei aqueles 50% sobre o que excedeu a cota de 500 dólares). Ainda tenho o comprovante de pagamento, com meu nome, número de passaporte e data da compra. Esse documento é suficiente para não me cobrarem imposto de algo que comprei há meses em outra viagem?

  33. olá, gostaria de saber se tem limites de notebooks para trazer. eu gostaria de trazer 3 notebooks, todos declarados. há um limite?
    obrigada

  34. Ola.Gostaria de saber se eu comprar um iphone como uso pessoal posso trazer a caixa dele.E um iPad de 329 dolares posso comprar pela cota de 500 dolares.

  35. Bom dia.
    Com essa noticia de que o Playstation 4 sairá por R$4 mil aqui no Brasil, eu e mais uns amigos estamos bolando uma maneira de ir a Miami e comprar por lá. Mesmo pagando os 60% de impostos ainda sairia muito mais em conta.
    Minha dúvida seria pela quantidade máxima de video games que poderia trazer. Será que trazendo 4 teriamos problemas?
    Abraços

  36. Ola
    Achei muito interessante todos os comentarios de vcs
    E como todo mundo aqui tbm tenho minhas duvidas, estou fora ha 6 meses retorno agora em outubro para o Brasil, acho q exagerei nas compras, estou levando um total de 4 malas d 32k e uma de mao, posso ter problemas na alfandega ??
    Isso tem me preocupado bastante, muitos presentes para minha filha, irmas e sobrinhos. Uma coisa tem me preocupado em especial estou levando 30 Victoria Secrets, nada para vender todos para presentes. Devo declarar esses produtos da Victoria Secrets ?? Ahhh nao estou levando nada de eletronico q possa se absurdo, apenas meu cel e meu tablet
    Aguardo um retorno
    Desde ja agradeco
    Abc

    • Fazer declaração é o correto. Mas fica a critério de cada um!
      4 malas de 32 kg ja esta fora de sua cota de bagagem, logo deve chamar bastante atenção.
      Boa sorte e depois que entrar conta pra gente!
      Marcos

    • Oi Maria Lucia, queria saber como foi sua passada pela alfandega? Eu tb estou levando uns 24 vidros da victorias secrets tb, todos presentes pra familia e queria saber se vc declarou e o que aconteceu.

  37. OLA, TUDO BEM ?

    Sabe se minha irma que mora lá pode trazer 3 ihones na caixa com valor de nota abaixo de 500 usd sendo que ela tem um filho de 4 anos e outro de 2 anos ? Tipo não tem mais nada pra trazer pois vem e fica dois dias. A cota independe de idade, é 500 usd por passageiro ?

    • Wilson, o iphone fora da cota é o que esta em uso pessoal. Acredito que uma criança de 02 e uma de 04 não USAM CELULAR… :)
      Sim á cota é US$ 500 por passageiros, mas não sei dizer a partir de que idade eles consideram, procure se informar na propria recieta federal.
      Outro detalhe se sua irmã é cidadã estrangeira ( legalizada) as regras para entrar com bagagens são diferenciadas, procure no proprio site da receita as regras para entrada com bagagem acompanhada para estrangeiros.
      Boa sorte
      Marcos

  38. boa noite!
    gostei muito das dicas e posts de vocês!
    no próximo mês farei uma viagem aos estados unidos.
    vi que posso trazer uma câmera fotográfica fora da cota de $500,00.
    mas pode ser qualquer tipo de câmera?
    pretendo comprar uma SLR no valor de aproximadamente $800,00. posso trazer este tipo de câmera sem declarar?
    obrigada!

  39. Prezados, o mail é longo mas acho de grande valia. Depois que conheci este site fiquei tentado a ir ao Sawgrass, de onde retornamos na semana passada. Tivemos muitas lições aprendidas que gostaria de compartilhar com vocês, até mesmo porque fomos “pegos” na alfândega brasileira:
    1. Veja se seu passaporte não está vencido, mesmo que o visto esteja em dia (tive que retornar na conexão em SP, e daí começou a avalanche de prejuízos)
    2. Leve malas vazias (vá praticamente com a roupa do corpo) e mala dentro de mala
    3. Não se esqueça do adaptador de energia, senão vai ter que fazer como eu e comprar um adaptador internacional no Walmart por US$ 14
    4. Antes de viajar, imprima os cupons de desconto do Coupons.com, apesar de que muitas lojas não os aceitaram
    5. Alugue um carro no aeroporto, mas tenha certeza de que há um guichê da operadora no aeroporto (eu aluguei da Economy Rent a Car e levei prejuízo, pois como sou cliente Platinum no cartão de crédito, não preciso contratar o seguro cobrado pelas locadoras, mas esta não aceitou e eu já estava longe do aeroporto); eu aluguei pelo Expedia.com
    6. Leve um GPS daqui, ou simplesmente leve a descrição da rota, pois é fácil dirigir lá (o valor do aluguel do GPS é quase o valor do aluguel do carro)
    7. O carro será muito útil como estoque das compras durante o dia no outlet
    8. Eu gostei muito do Double Tree (em frente ao outlet) e paguei tudo pelo Hoteis.com
    9. Planeje bem o que você visitará no outlet, ainda mais se seu tempo for curto (nós ficamos 4 dias para visitar tudo, mas acho que com 3 dias você resolve tudo); gastei mais tempo pois éramos casal em compras, e ainda tínhamos que comprar roupas e brinquedos para 3 filhos que ficaram em casa
    10. Visite primeiro as grandes lojas como Burlington, Target, Marshalls, pois os preços são bem mais interessantes e lá você encontra muita coisa de marca
    11. Inclua uma visita ao Walmart (em frente ao Outlet), bem como a Ross e Macys (até 10 milhas de distância); vá na Ross antes do outlet
    12. Compre um bom tênis para você andar muito e principalmente remédios, pois eu tive inflamação no tendão do pé por andar muito e não dispor de um tênis tão confortável e macio
    13. Se der tempo, inclua uma visita a Disney, pois são 4 horas de carro numa estrada reta maravilhosa
    14. Leve uma balança de bagagem para verificar se você está dentro dos limites de peso das bagagens
    15. Retire as etiquetas de todas as compras, e retire tudo da caixa, para não chamar a atenção do fiscal da alfândega se ele pedir para você abrir as malas
    16. Guarde todas as NF’s contigo, mas não as coloque nas malas
    17. Não concentre o mesmo tipo de compra numa mesma mala
    18. Não se esqueça dos cadeados das malas, principalmente para se prevenir nos hotéis

    Meu maior problema é que o fiscal da alfândega de Brasília ficou bravo comigo quando eu respondi que havia comprado apenas 5 camisas e algumas roupas para minha esposa, e ele se sentiu sacaneado pois eram 4 malas. Quando ele abriu o primeiro bolso, encontrou todos os cupons fiscais. Daí ele nem abriu as malas. Calculou tudo e mandou eu pagar o imposto e multa. Paguei mas estou entrando na justiça para reaver o valor, pois a alfandega nem se deu ao trabalho de ler o que constava nos cupons, pois até mesmo de comida consumida lá eu paguei imposto e multa, além do que tudo o que comprei era apenas roupa e outros itens de uso pessoal, que são isentos de tributação. Eles não contaram se eu estava trazendo coisa demais ou de menos de um mesmo item.

    Com relação ao Sawgrass, é muito bom, mas merece pesquisa pois há grande variação de preços de mesmos produtos (ex.: camisas oficiais do Miami Heat e do Miami Dolphins).

    Comprei um helicóptero com controle remoto num bangalô por US$ 45 e custava US$ 25 na Burlington.

    Reitero ainda que visitem as grandes lojas antes das lojas das marcas, inclusive Ross e Macys.

    Brinquedos também são mais baratos nas grandes lojas em relação por exemplo a TOYS R US.

    Quem tiver dúvidas ou quiser dicas, não hesite em contactar.

    At,

    Leonardo

    • Nossa Leo, Obrigada pelo relato, é sempre bom ouvir as experiencias de um visitante pois vc ve as coisas diferentes do que eu que ja moro aqui hà anos. Por exemplo o lance de arrumar as malas sem concentrar tudo em uma so, ou retirar as etiquetas das compras. Sinto muito pela alfandega, me parece que vc fez hora com o oficial e ele nao gostou nada :(. Tenham cuidado pois se vcs brincam assim com o oficial da Imigraçao ele te manda de volta pro Brasil na mesma hora! :) O oficial da alfandega merece o mesmo respeito, principalmente se vc esta querendo que ele “goste’ de vc. Os kioskes dos shoppings vendem tudo mais caro, ja disse nos meus posts, mas eu sei que é dificil lembrar de todos os detalhes lidos aqui. Legal a dica da locadora, ta surgindo muitas empresas novas e pequenas e elas nao estarao no aeroproto. Quanto ao passaporte, TODOS devem saber que o seu passaporte tem que estar em dia por pelo menos 6 meses antes de expirar.
      obrigada mais uma vez,
      Bjs

  40. Boa Tarde,

    A minha dúvida é a seguinte eu tenho uma conta em um site de compras onde eu vou comprar 5 itens no caso 1 bola 1 boné 1 camisa 1 shorts e 1 bolsa.Como não tenho conhecimento gostaria de saber se posso ter problemas na alfandega correndo risco de não receber os produtos o total da compra é de 115 dolares.

    Fico no aguardo ,

    Obrigado !!

  41. tenho um amigo que mora nos estados unidos e estou pensando em pedir que ele me envie um macbook pra mim.
    vou ter que pagar taxa?
    e se ele vier para o brasil com o macbook, teria que pagar taxa?

    • Nos dois casos, sim.
      Apesar de no caso dele sendo americano e mostrar que o macbook seja para uso pessoal dele durante a estada aqui no Brasil, não sei qual procedimento dos fiscais da alfandega.
      Att

  42. Boa noite Marcos e Lilian

    Obrigado por esclarecerem varias de minhas perguntas , só faltou um detalhe que gostaria da informação de vcs , estou indo a Miami no final de setembro e gostaria de trazer de lá uma bicicleta aro 20 , claro que desmontada , de presente para meu filho , ja me informei e o valor dela lá custa $ 130 dólares , , traria ela fora da caixa e embalada em plástico bolha , e no aeroporto embalaria a mesma , pergunta , será que esse produto conseguiria trazer?
    Obrigado. Pela atenção

    Abracos

    • Anderson, acho Dependendo do volume talvez a companhia area lhe cobre algo extra. Nunca fiz isso, por isso nao tenho certeza.
      Procure ligar para a propria companhia e verificar.
      Algum outro visitante saberia explicar melhor?
      abcs e boa viagem

  43. Eu irei fazer intercâmbio High School nos Estados Unidos, irei comprar um iPhone 5 pra mim, que no caso pode, mas também irei comprar um MacBook para eu poder usar durante o período que irei ficar lá, que será de 1 ano Letivo, esse MacBook será taxado quando eu voltar para o Brasil ?

  44. Tenho uma irmã que mora na Italia.

    Gostaria de saber se posso mandar trazer uma Tv led 42 polegadas no valor de 500 euros? vou pagar imposto sobre isso? porque pelo que li não fala nada que não é permitido..

    Agradeço a atenção e ajuda

    • Poder pode, vai pagar o imposto em cima do valor que ultrapassar 500 DOLARES.. será que vale a pena? a comapnhia aerea deve cobrar uma taxa pelo volume extra.. Informe-se antecipadamente para não ter surpresas ao chegar no Brasil.
      boa sorte

  45. oi gostaria de saber se posso comprar um ipad e dizer que é de uso pessoal se for fora da caixa e em funcionamento?
    E tambem se posso trazer a caixa vazia (sem o produto mais com os manuais carregador, etc… sem as embalagens)na mala de outra pessoa que vai ir comigo?
    e se eu for só para comprar vale a pena(incluindo as passagens)?
    “Hoje o dolar está em torno de R$ 2,18, logo vale mais a pena ainda.” por que se o dolar está caro?
    agradeço a atenção!!

  46. Bom dia, li a maioria dos comentarios, gostaria somente de sanar a questão. Então se eu pretender ir para Miami, para comprar e revender produtos aqui como fonte de renda, não é viavél né?
    Grato, parabéns pelo site.

  47. Ola. Estou retornando ao Brasil com compras no valor de 1200 Dolares. Vou pagar 50% sobre 700 Dolares correto? Minha duvida e quanto aos aparelhos pois tenho dois filhos 1 tablet para cada um e mais um para meu marido. Vou ter problemas?
    Obrigado pela ajuda.

    • Vc leu as explicaçoes do Marcos? Ele quem sabe mais sobre este assunto, mas creio que ele escreveu tudo acima.Se seus filhos e marido estiverem com vc entao cada um tem uma cota separada, mas se vc esta sozinha e eles te pararem vc pagara no valor que ultrapassou sim. eh melhor declarar que passou pois ja ouvi falar de pessoas que nao declaram e quando eles abrem as malas deles o problema eh maior.
      boa sorte,

  48. Estou nos eua e um amigo quer me dar uma bicicleta q hj vale 700 dolares usada e 1300 zero Como devo proceder ja q e um presente? ele deveria me dar uma nota? em q valor? Obrigado desde ja

    • Realmente nao sei se os agentes da alfandega no Brasil se importam se foi presente ou nao. Acho que vc deve trazer algumas nota .Ou eles podem te cobrar o que quiser no brasil.

  49. Olá Marcos

    Estarei viajando o mes que vem para Miami, e comprarei alguns eletronicos no qual eu irei comprar 3 video game que vai passar da cota, e irei fazer a declaração, a minha duvida é eu fazendo a declaração todas as bagagens vao passar pelo raio x, e tem algum perigo de eles taxarem mais alguma coisa.

  50. Ontem na faculdade estudamos sobre isso, e vim pesquisar. A minha professora falou “homi, venda seu carro e viaje pros EUA com a sua esposa pra comprar roupas e bolsas femininas. aqui você vende tudo, paga a viagem e compra outro carro” kkkkkkkkkkkkkkkk. Não sou louco de fazer isso, mas que fiquei tentado demais em viajar, fiquei. E minha esposa então… Quando falei pra ela que uma bolsa da GUESS original custa 49 dólares, ela pirou (sabe como é mulher, rss). Não conhecia esse site e achei muito bacana! Vou favoritar!

  51. Próximo ano eu estarei viajando para os EUA. Uma amiga pediu para que eu comprasse um iPhone para ela, se eu não levar o meu, mas levar meu iPod, posso comprar sendo item de uso pessoal?
    Outra pergunta, o iPhone será comprado e eu tirarei da caixa e tirarei algumas fotos para ficar como uso pessoal, mas não terá uma linha (no caso um chip, um número) funcionando nele, continua sendo uso pessoal?
    Obrigada desde já.

    • Beatriz, Ipod nao pode (desculpe o trocadilho!) não entra na cota de uso pessoal
      iphone entra no cota de uso pessoal , faz o que vc falou e qualquer coisa diz que comprou la e usou um chip la nos EUA para se comunicar
      boa sorte

      • Marcos, o que eu quis dizer foi levando o iPod daqui do Brasil. O levando do Brasil para o EUA eu posso voltar com ele e mais um iPhone comprando lá sem pagar nada?
        Obrigada.

  52. Olá…! Estou indo a Miami depois para Orlando com a família inteira, somos 2 adultos e 3 crianças com idades entre 4 e 14 anos, como funciona a cota de produtos para a família? Obrigada!

  53. Bom dia, amigos. Estou querendo comprar produtos importados para revender no Brasil, como perfumes, bolsas e suplementos esportivos. Miami é a melhor opção? Vale a pena encarar a alfândega e arriscar? Quais as dicas que me dão. Grato.

  54. Ola, vou viajar para Paris e pretendo trazer um remédio fitoterápico que faço uso contínuo, porque aqui no Brasil é muito caro. Por ser uso contínuo, pretendo trazer uma quantidade grande pra ficar tranquila por um tempo, pensei em 50 ou 100 caixas (a caixa vem só com 15 cápsulas e acaba muito rápido). Tenho receita médica. Sabem me dizer se há alguma restrição e mesmo se eu for parada, o único risco é eu pagar o imposto? Obrigada

    • Rúbia, Não faço ideia, mas com certeza 50 ou 100 caixas com certeza vai chamar um pouco a atençao e por ser medicamento, pode lhe trazer alguma complicaçao em seu retorno e inclusive na sua saída da França, mas sinceramente nao faço ideia.
      Minha mae quando vai passar 6 meses nos EUA ela leva o suficiente para 6 meses e a receita do medico comprovando a quantidade.
      Tente entrar em contato com a receita federal, mas no seu caso pode ser necessario consultar a ANVISA também!
      Boa sorte

  55. Olá amigos, muito interessante o site. Bom, já moro na Austrália há quase 5 anos. Ja fiz declaração de saída permanente do brasil, e também tenho passaporte australiano. Estou indo visitar o Brasil em agosto por 2 semanas e gostaria de presentear minha mae com um computador e minha tia com um iphone 5. Porém, também preciso levar meu computador pessoal e meu iphone pessoal. Pagarei impostos sobre algum item? Se o caso for sim, seria melhor nao levar meus items pessoais? Obrigado desde já,
    Guilherme

    • Oi Gui, nao sei direito como eles (os fiscais de alfandega) agem com estrangeiros ou moradores de outros paises.
      So sei que um iphone você pode trazer.
      O computador pessoal não, pois ele passa da cota de 500 dolares ( que alias é ridicula!)
      Tente se informar sobre a sua condição de “morador estrangeiro”mesmo sendo brasileiro, nao sei se muda algo.
      Se descobrir algo conta pra gente.
      abcs

      • Olá,

        Desculpe a intromissão, talvez o Gui já deve ter vindo ao Brasil, mas quem sabe eu possa ajudar relatando a minha experiência:
        No meu caso, morei no Japão (3 anos) por duas vezes, voltei ao Brasil na 1ª vez, trazendo computador, câmera fotográfica, muitos presentes, como perfumes e maquiagens e, na 2ª vez, além das mesmas coisas da primeira, eu trouxe um XBox, um Nintendo Dsi, 3 iphone’s(um 3 usado e dois 4 recém comprados para mim e meu marido, mas tudo na caixa, inclusive os videogames). Em ambas as vezes, desembarquei em SP, declarei tudo como sendo mudança e passei super tranquila pela alfândega, inclusive nem passei pelo Raio X, talvez pelo número de malas, já que o fiscal perguntou somente quanto tempo nós havíamos morado no Japão.
        Acredito que a sorte conta muito, mas pra quem viveu algum tempo em outro país, talvez seja muito mais fácil passar pela temida alfândega… Ah, e na 2ª vez, fui a primeirona a passar pelo fiscal, pois estava gravida e me mandaram para a fila preferencial.

        Parabéns pelo site, é de muita utilidade e assim que retornar de Miami, voltarei para relatar minha experiência por lá.

        Abraços

  56. Uma amiga fará uma viagem a Miami pedi a ela que trouxe-se 2 iphones, cada iphone custa $ 845 dólares, sei que ultrapassara a cota estabelecida, mas estou com duvidas a cota é 500 dólares, somando os produtos daria 1.690 dólares, desse 1.690 seria cobrado 60%, isso daria 1140. No total eu teria que pagar a ela 2.830 dólares.
    Total da brincadeira R$ 6.509 Reais ?

  57. Olá! Estou viajando essa semana e pretendo comprar um iphone, só que preciso levar o meu celular já usado e comprado aqui no Brasil (ainda tenho a nota fiscal)! Será que terei problemas, mesmo mostrando a nota?

  58. Ola achei muito bom o post esclarecedor de voces … Parabens!!!Moro ha 8 meses nos EUA estou indo ao Brasil pela primeira vez desde que cheguei aqui e gostaria de saber como a alfandega sabe que o que compramos passou da cota de 500 dolares e se ‘e bom levar as notas fiscais das compras para comprovar o valor das coisas.
    Agradeco desde ja :)

  59. Olá, no proximo ano vou fazer uma viagem para NOVA YORK de 15 dias, porém gostaria de trazer algumas coisas para o brasil, já vi algumas perguntas e respostas daqui do sites de vcs, sei que eu só posso comprar até U$500 dollar claro que com algumas restrições até esse valor ,mais acho que ninguem fez essa pergunta ainda: Se as minhas compras deu U$600 dollar os 100 que passou a mais pagaria 50% certo ,mais para que eu pague esses 50% a mais todos os meu produtos terião ser declarados ou não?

    Obrigado pela atenção .

  60. Super interessante o guia *-*

    Mas fiquei com uma dúvida,não sei se eu não prestei muita atenção XD

    Assim,se eu viajar e comprar itens de coleção,por exemplo,bonecos raros(pullip,barbie,dolls etc.)não para vender,é de uso pessoal mesmo,e trazer na caixa,ou enviar para a minha família pelo correio,teria algum problema?

    Abraços~

  61. […] Conquistas:: Postado originalmente por SDSABINO Sempre tem bom e o lado ruim a minha unica duvida como eu vou de avião.. na hora de embarcar pra voltar e for pego a unica coisa que ira acontecer é que teria que pagar o valor do imposto se no caso tive-se passado da cota de 500 USD correto? As compras isentas de imposto não podem passar de US$ 500. Se os produtos ultrapassarem a cota, o passageiro vai pagar 50% do valor excedido e, se não tiver declarado, recebe multa. (ATENÇÃO : Segundo essa regra iPad, iPod não estão liberados como é a suposição geral!) Cara nesse site vai tirar todas suas duvidas qualquer coisa , me mande MP . LINK PARA TIRAR DUVIDAS […]

  62. Ola,
    quero visitar minha familia no Brasil sem peso na consciência, e no site da Receita Federal, diz que tem ser declarado medicamentos e alimentos de qq espécie no DBA. Em outro lugar já diz que tem que ser declarado os alimentos e medicamentos que precisam ter a avaliação da ANVISA. Vs saberiam dizer onde encontro uma resposta legal? Posso levar vitaminas e chocolates por exemplo… ou preciso declarar isso tb?
    Obrigada

  63. Olá, o que ocorre no meu caso e o seguinte tenho uma tia que já mora no exterior, ela esta vindo visitar a família ela mora lá tem anos Tbm, queria que ela me trouxesse um notebook ai queria saber se ela pagaria pelos imposto ela falando que o notebook e dela???

  64. se eu levar pro brasil cerca de 10 capinhas pra iphone recarregaveis (servem como uma bateria extra), e varios cabos diferentes, cerca de uns 40 (10 de cada tipo). posso?

  65. Marcos e Lilian, antes de tudo, muito obrigado pelos esclarecimentos. Vou visitar minha irmã em Boston, e ela tem muitos brinquedos que os filhos quase não usaram, mas estão sem embalagem. Posso trazer sem restrição alguma ? Qual seria o limite ? Pergunto isso pois parece que tem uns 300 carrinhos, pois ela tem 4 meninos. Eu queria trazer para doar aqui no Brasil. Será que posso fazer isso ? Obrigado.

  66. Boa tarde, vou pra Seoul em janeiro, ficarei 6 meses lá em um programa de intercâmbio pela faculdade e gostaria de comprar alguns eletrônicos já que lá é o paraíso em relação à isso.
    A minha intenção é ir sem levar nada, apenas um celular meu antigo (sem trazer ele na volta) e assim que chegar lá comprar um S4 e um Macbook Air para usar durante o tempo que eu estiver lá, para estudos etc, teria algum problema de trazer eles comigo na volta sem declarar, tendo em vista que foram pra uso durante meu tempo de intercâmbio ?

      • Marcos, eu sei, porém você saberia me responder? Eu não encontro alguém que possa me dizer, pelo menos se tiver como responder no meu e-mail, obrigado!

        • Bem felipe vamos la.
          Nao interessa para onde você vai, Miami, italia ou Seoul… As regras de alfândega na volta são as mesmas.
          Enfim nao adianta dizer que foi pra usar no intercambio, se te pararem vc vai ter que pagar.
          O celular sim vc pode trazer um sem entrar na cota.
          Da uma lida melhor no post pois o que esta escrito lá vale inteiramente para você!
          Espero ter ajudado.
          Boa sorte

  67. Vou para Vancouver no começo de 2014, pretendo trazer um playstation 4, consigo trazer ele sem entrar na cota de $500, ou ele entra na cota?

  68. Boa noite,

    Eu dei entrada como MEI e ja tenho meu CNPJ e quero trabalhar com produtos importados vindo dos EUA (San Francisco), sendo que eu mesmo irei fazer a viagem e comprar esses produtos para vender aqui no Brasil.

    Eu sei que a cota para pessoa física é de $500,00 sem pagar imposto. O MEI que tem a cota de $3.000,00 fica isento de impostos ou depende da mercadoria?

    Eu vou trabalhar com roupas e acessorios, maquiagem e perfumes. Gostaria de saber quais os passos devo tomar para não ter problema com a RF.

    Obrigado!!

  69. Estou indo de férias par Punta Cana, eu, marido e filho de 3 anos, mas estou querendo aproveitar a passagem e passar 1 semana antes em Miami para umas comprinhas…
    Seriam compras para uso pessoal, nada para revenda e o foco tambem nao é eletronicos.
    A pergunta é a seguinte, como após 1 semana em Miami irei pra Punta, minhas malas serão uma quantidade expressiva, isso pode atrapalhar no meu retorno ao Brasil? ou posso justificar pelo tempo fora do país (15 dias)? A alfandega para quem chega de Punta Cana é mais tranquila do que a de quem vem de Miami, ou os fiscais não leva em consideração da onde se vem?
    Obrigada

    • oi Renata, eu acho que vc esta na direçao certa em pensar isso, nao tenho certeza se os fiscais da alfandega pegam leve para turistas de vindo de outros paises, mas eu acredito que sim!
      bjs

  70. Eu tenho uma duvida em relacao a declaracao. Eu morei no Canada por 12 anos, e voltei ao Brasil com varios produtos pessoais. Declarei tudo, e o fiscal deixou passar (por eu estar a mais de 1 ano fora, etc). Mas nao recebei nenhum comprovante.

    Agora, estou indo para a Europa numa viagem de dois meses, e preciso levar um Mac Mini que eu comprei no Canada em 2009 (eu tenho a nota fiscal). O valor de um novo eh de 750 dolares. O valor de mercado do meu eh de 250 a 350 dolares (valor medio que achei no Ebay).

    Qual eh o valor que eu declaro ao retornar? O valor de um Mac Mini novo ou o valor de mercado do meu modelo?

    • nao entendi bem sua pergunta, sorry:(
      vc vai para Europa e vai levar o seu Mac e depois volta pra ca para os EUA?
      Nao creio que vc tenha que declarar nada , pois vc comprou em outra viagem e nao nessa. ( se entendi bem) Se o Mac ja é seu porque declarar? enfim, se vc quiser levar a nota fiscal, talvez seja uma boa ideia, mas se vc declarar, declare quanto vc pagou e nao quanto vale novo.
      sorte.

      • Oi, obrigado Lilian,

        Na verdade, eu vou para a Europa com esse computador, e retorno ao Brasil com ele. Eu o trouxe do Canada. Comprei ele em 2009, e paguei, na epoca, uns 750 dolares. Ou seja, na nota fiscal esta escrito 750. Agora isso foi em 2009. hoje, ele vale bem menos.

        Por isso minha duvida. Nao sei se declaro o valor da epoca, ou a media de mercado de hoje.

        Detalhe, quando eu voltei ao Brasil, eu o declarei, passei pela inspecao, mas nao me deram nenhum documento, ou seja, eh como se eu nao tivesse declarado.

  71. Vou para NY mês que vem e o único eletrônico que irei adquirir é uma camera no valor de $399 para uso na viagem. O restante são roupas, calçados, bolsas, make e perfumes que usarei durante a estadia. Um amigo me pediu para trazer 12 blusas da HOLLISTER($360). Terei que declarar a filmadora mesmo que não traga a compra dele? É ilegal trazer essa quantidade de camisa?

    • Olha Mariana antigamente a alfandega nao olhava pra roupa, mas agora que milhares de Brasileiros estao vindo para miami para comprar roupa para revender…entao ta pegando para todo mundo :( Algumas alfandegas sao mais rígidas do que outras, vc vai ter que declarar tudo e se eles te pararem para revistar sua mala ai so depende deles, se eles acham que as blusas sao para revender entao talvez eles te cobrem um multa. Mas infelizmente nao sabemos com certeza. Leia no Fa page do Guia no face , algumas pessoas ja deixaram relatos la sobre a alfandega . http://www.facebook.com/guiademiami
      bjs

  72. Ola!!!
    Estou Indo de ferias conhecer NY E Miami e gostaria de comprar roupas p/uso pessoal, Uns do is ten is, um cel. Se puder um I pad. To devo levar em dinheiro e o Res to posso pagar com c/credito?
    Ahhh. Vai um amigo comigo, ele TB deve queer comprar TB.

    Ahh eh mel or comprar o cell em Nova York?

  73. Olá,

    Gostaria de saber uma coisa, uma amiga vai a Miami em julho e eu pedi para que ela me trouxesse um iPod e 2 séries de tv, e isso vai dar mais ou menos $370,00, além das compras dela (que eu não sei se vai ser muita coisa).Então digamos que o total dê os $500,00 e digamos que o meu iPod seja o único eletrônico, mesmo que seja tudo dentro do limite o imposto de 50% ainda vai ser cobrado?

  74. Olá Marcos / LIlian agora tenho duas dúvidas…
    Estou voltando para o Brasil com minha esposa, e compramos muito , vc acha melhor desembarcarmos juntos ou separados? E a outra é,.,.
    Como compramos muitas roupas é melhor deixá-las arrumadas nos sacos space bags ou totalmente bagunçadas?
    Muito obrigado!

    • Charles,
      Acho que independe de passar junto ou separado. A cota é individual e nao pode ser somada. O que acho melhor quando estou em familia é que a principio mais malas não chamam muita atenção do que se eu estiver sozinho e com um monte de malas.
      Tente meio que separar os itens comprados de forma a ficar em malas mais ou menos proporciais.
      Boa sorte.

  75. Oi! Adorei o site!
    Gostaria de ir a Miami para comprar roupas para uso pessoal e fazer enxoval de bebê. Queria saber se tem algum problema comprar itens grandes (por exemplo o carrinho de bebe, cadeirinhas) que obviamente naum vaum caber na mala. Basta estar no limite de 500 dólares e naum tem problema?

    • isso mesmo, vc talvez tenha que pagar excesso de bagagem por ser uma caixa grande. excesso creio que custa $150 , mas nao tenho certeza. Vc pode tentar tirar da caixa e pagar uns $20 no aeroporto onde tem um serviço particular onde eles enrolam o carrinho com um plastico.
      sorte,

  76. Amigo, você sabe me dizer se posso trazer uma faca? É que lá fora existem facas muito boas usadas para acampar na selva ou em pescarias. Aqui, quando se encontra, são bem mais caras.

  77. Olá estou para ir em Miami final de abril,vou para comprar uns cremes,maquiagem,bolsa e principalmente produtos para micropigmentação e tintura de sobrancelhas,os produtos são pigmentos meicha ou biotouch e tintas refectocil,todos em embalagens de 15 ml,vc sabe se posso trazer em quantidades,pois são itens com várias tonalidades que irei usar em meu trabalho, eles entram na cota?

  78. Estou querendo abrir uma loja com roupas do exterior aqui no Brasil, mas as roupas vem de Miami e acho que não possui nota fiscal…eu tendo uma micro empresa aberta comercializando essas roupas na minha loja pode dar problema por não ter nota? Existe alguma forma de solucionar este problema ? Aguardo resposta no email obrigado desde já!

    • Caro Lucas,trazer produtos do exterior para vender sem declarar sua entrada no pais é contrabando e configura crime de sonegação fiscal.
      Não somos consultores e esse não é o foco de nosso site procure alguem especializado no assunto e esclareça suas dúvidas.
      Ah e Tome cuidado.

  79. Nossa que site legal para pesquisar nossas dúvidas! Parabéns mesmo, pois são iniciativas como esta que fazem com que tenhamos coragem de sair pelo mundo sem medo de ser feliz! Abraços

  80. Prezado Marcos, boa tarde (aqui é tarde…kkkk)

    Poderia me esclarecer uma dúvida, ou melhor, algumas dúvidas: estarei indo para Orlando e Miami em 06/04, iremos, eu, meu marido e minha filha de 03 anos, sairemos de SP 06/04 voo direto, ficaremos primeiro em Orlando e depois em Miami, temos a intenção de comprar roupas para nós mesmo, nada de revenda (até pq é a primeira vez que estamos indo, e não temos tanto dinheiro assim), mas tenho a intenção de comprar um iphone 5, meu marido tb quer comprar um, já me recomendaram em não levar o meu cel, que eu posso levar o chip, mas não o cel, não sei pq, (poderia me esclarecer?), vamos levar uma filmadora e talvez o tablet ou notbook, para que possamos nos comunicar com os familiares aqui no Brasil e tb postar umas fotos no face (o que vc recomendaria?). Também temos a intenção de comprar roupas para mim, minha filha e meu marido, para nosso uso mesmo, e alguns presentes (baratinhos) para dar a minha família (que é grande), exemplo: seu eu comprar (nem sei se pode) uns 15 cremes da victoria secret, é muito, posso ser barrado na alfândega? Como disse minha família é muito gde, só de sobrinhos tenho 11 e pretendo comprar alguma coisinha para eles, mas como só irá eu e meu marido e minha filhinha pequena, e sei que muitas malas para um casal praticamente terá desconfiança. A nossa intenção é viajar com uma mala média, levando poucas roupas e levar uma mala maior e uma pequena (ambas vazias) para colocar o que comprarmos aí, mas tenho medo de ser barrado na alfândega. Não estaremos levando muito dinheiro. O que vc sugere? Já saiu o iphone 6?
    Desde já agradeço.
    Abraços
    Luciane

    • Bem Luciane quanto ao Iphone ta explicado no post, da uma lida
      quando aos cremes eles dizem que a quantidade é 10 de cada no maximo, logo no seu caso divida entre vc e seu marido que ta tudo certo.
      quanto as malas vazia nao tem problemas , todo mundo faz isso, inclusive eu.
      nao saiu iphone 6.
      se levar filmadora e tablet e notebook leve nf para provar que foi comprada aqui no brasil senao pode ter problemas ao voltar.
      presentinhos baratinhos sem stress….
      em relacáo a quantidade de dinheiro depende muito do que vai fazer e o que vai comprar e pagar em dinheiro e em cartao.
      Sugiro uns 5 mil dolares no minimo para ficar tranquila..
      att

  81. Olá, vou para Washington, e gostaria de levar meu ipad, no entanto o mesmo não possui nota fiscal, pois comprei usado. E a pessoa que me vendeu, disse que o msm foi comprado nos eua. Terei problemas em levar?

  82. Muito bom dia!

    Estou indo para Orlando com meu namorido em Maio ficar 07 dias, quero comprar perfumes, maquiagens, 2 óculos e bolsa e claro um Iphone,. Depois iremos para Punta Cana, terei problemas com nossas comprar comprar na volta ao brasil ? Não sei como funciona pois irei para outro lugar quando sair de Orlando, como é feito a cota já que estamos indo para 2 lugares diferentes ?

    • Nao creio que tenha problemas, ja que vc nao esta comprando milhares de coisas. A cota eé a mesma $500. mas depende da sua sorte, as vezes a alfandega nao te para. O iphone esta fora da cota. Então nao precisa se preocupar com ele. :)

  83. Olá, bom dia!
    Estarei indo para Miami e Orlando em junho. Irei fazer compras tanto para uso pessoal quanto para revenda. Vou levar em média de 3 a 4 mil dolares. Dentre essas coisas será roupas (sendo mais camisas), relógios, perfumes, cremes, hidratantes, shampoo, oculos, carteira, tenis e sapatenis. Não penso em comprar aparelhos eletronicos.
    Será que eu trazendo produtos diversificados, terá algum problema?
    Estarei indo com minha namorada. Sendo que cada um levará duas malas.
    Algum problema?

    • Leo leia os comentarios neste post, todos tem a mesma duvida. E algumas pessoas tem respostas ou dicas. so sabemos que eé questao de sorte mesmo. Se eles te pararem e abrirem suas malas e acharem que vc esta levando para revender eles irao te cobrar impostos com certeza. afinal a cota eé apenas $500.
      Traga pouca roupa suas isso talvez ajude.
      boa sorte

      • Se eles te param e verem que os produtos sao para revenda, eles vao descaracterizar a bagagem e voce perde tudo. Sem nem poder pagar os impostos. Eles deixam pagar os impostos se voce tiver somente alguns itens que passaram da quota. Mas se a quantidade for grande, ja era…

  84. Gostaria de trazer dois Macbook de Miami. Posso declarar os dois na alfandega e pagar os 50% dos dois, (o total dos dois seria em torno de US 3400) ou so poderia trazer um?
    Obrigada

    • Andrea Declarando pode trazer os dois, mas faça as contas pois normalmente não vale a pena. Veja o infográfico no post e utilize a cotação atualizada do dolar. Compare com o valor do produto nas lojas aqui no Brasil.
      Boa sorte e depois conta tudo pra gente.

  85. gostaria de saber se vale a pena ir fazer compras em Miami e hospedar em weston?
    vou conseguir me comunicar em portugues? vou dirrigir em Miami tranquilamente,pois sera minha primeira viagem,

    • ah se vc ta de carro nao tem problema, Weston nao eé tão longe e tem milhares de lojas por la tambem.Talvez nao ache Portugues por la, pois nao eé area turistica.
      Leia meus outros posts : “Dirigir nos estados Unidos é dificil? ” , “Perguntas mais frequentes” eles irao te ajudar! ;)
      bjs
      Lilian

  86. Olá estou indo para Miami no proximo final de semana.
    Vou ficar 4 dias comprando no sawgrass.
    Irei com a mala vazia, bem vazia, e a estrategia é comprar algumas boas roupas.
    Gastarei US$500,00 só em eletronicos, sem passar da cota.
    E o resto em roupas, sapatos e tenis.
    E usarei boa parte das roupas novas por lá mesmo, será que fica tranquilo para a volta, no caso de ser revistado ?
    Será que as roupas novas usadas podem se passar como usadas sem dar problema ?

    • Olá James, Essa é a pergunta do ano! ;) Todos querem comprar o maximo e escapar a alfandega! Infelizmente não podemos garantir nada, alfandega é muita questao de sorte e de tambem nao da muito na cara , por exemplo 1 pessoa voltando pro Brasil com 3-4 malas…vai chamar atenção!!! Enfim , o melhor é nao trazer nada e comprar tudo aqui, vem so com a roupa do corpo e traz uma peça pro outro dia , pois o dia todo no avião com a mesmo roupa eé fogo!:) Algumas alfandegas estao incluindo roupas, se eles notarem que vc comprou varias roupas especialmente do mesmo modelo, ou milhares de camisetas, eles vai encrencar! Leia os outros comentarios aqui sobre isso e no Face fa page do Guia.
      sorte,
      L

      • Ok, obrigado, pelo feedback Lilian.
        Não comprarei em quantidades e sim um pouco de cada coisa, assim não vai caracterizar “peças para venda”, são só pro meu uso.
        Trazer 3 tenis, sendo q 1 usarei na volta e 2 estarao novos, na mala, tem algum prolema?
        E outra, minha ideia é usar 1 mala grande e trazer uma mochila ?
        Acho q ficará ok.

        • James, Acho que tudo vai estar bem com a sua volta, pois vc somente trara 1 mala, e apenas comprara coisas para seu uso pessoal. Acho que a afandega saca quando eé para revenda ou nao. ;)
          bjs
          L

  87. Olá
    vou para orlando e miami e gostaria de saber se posso gastar mais de 500 dólares em roupas, perfume, essas coias, sem ter problema na alfandega? Por que, até onde eu sabia, o limite de 500 dolares era para eletronicos.

    • Oi Ana,
      Olha isso era antigamente quando 1 Brasileiro vinha de ferias por aqui…e comprava apenas para ele e não para revender…hj em dia a tudo é bem diferente…milhoes de Brasileiros desembarcam Miami para comprar, comprar e comprar!!! Os Brasleiros jaá estão famosos por aqui por “compras”, Os Brasileiros estão comprando de tudo por aqui …de apartamentos a roupas. Varios estão comprando para vender e a alfandega sacou e começou a cobrar impostos em roupas, relogios etc Agora tudo entra na cota, ou quase tudo ( 1 iPhone, 1 relogio não entram na cota) Eles não param a todos…é questão de sorte. Eu acho que eles param uma pessoa que vem com 3 ou 4 malas, ai sim chama atenção! leia os comentarios abaixo.
      Boa sorte,
      L

  88. Estou a indo à miami no mês de Julho, vou comprar só roupa,pra revenda e uso pessoal, então da algum problema eu trazer na mala sem etiqueta ou nota fiscal as que eu vou usar e com etiqueta, nota fiscal as pra revenda que no caso seria 2 mil dólares em roupa, qual o risco de multa ?

    • Olha Andre… alfandega é uma questão de sorte, infelizmente não posso te dizer qual o seu risco de multa. Algumas pessoas deixaram relatos sobre a alfandega no post ” Compras no exterior”. la eles dão algumas dicas. Eu te aconselho vim com a roupa do corpo e mais uma muda de roupa , ja que vc vai comprar roupa para uso pessoal. Algumas pessoas tiram as etiquetas e mandam pelo correio rsss . Traga as malas vazias ou as compre por aqui. Visite lojas como T.J.Maxx, Marshalls e Ross para boas pechinchas!!! Sawgrass Mills com certeza!!!
      boa sorte
      L

  89. Parabens pelo post!!!
    Me desculpem a ignorancia rsrs,eu gostaria de saber onde declara os bens que vou levar,por exemplo se eu levar roupas ou outros itens em excesso eu devo declarar toda a minha bagagem ou so o que excedeu o limite de 500 dolares?
    Eu posso levar uma nota fiscal afirmando que as roupas e itens que comprei foram apenas os 500 dolares,acho que assim fica mais facil comprovar que realmente estou apens com os 500 dolares em compras.

    • Oi Jamie, Olha o Marcos tá de ferias em um cruzeiro. ( que folga hem??) :) Ele que sabe mais deste assunto pois ele sempre faz para Miami-Brasil. Eu acho que vc inclui tudo e quando eles te param “SE pararem” na alfandega, entao eles verificam o que vc passou da cota. Com certeza guarde todas as notas de compras, de roupas a computador.
      Se vc quiser voltar a escrever antes da sua viagem e fazer a mesma pergunta pro Marcos. Ele estara de volta no fim de Fev.
      bjs
      L

  90. Ola parabens pelo blog,esta me ajudando muito com duvidas :)
    Eu moro em Miami ha alguns meses e pretendo visitar minha familia no fim do ano e queria levar presentes pra familia,gostaria de saber se posso levar roupas hidratante e outras coisas pequenas tipo maquiagem em uma quantidade que nao seja para revenda,mas se caso exceder um pouco eu devo declarar nao ‘e?

  91. Como que eles ( fiscais) dão preço às roupas e tênis ? Eu que tenho que mostrar a nota fiscal de compra, ou eles utilizam uma “tabela” própria ? Porque lendo o relato do colega, ser multado em R$ 4.000,00, qual o critério de precificação deles ? Agradecida se puder ajudar.

  92. Os 50% do valor excedente aos U$500,00 tem que ser pago em espécie? E tem que ser em dolar?

    Ou pode ser em real ou no cartão de débito que uso normalmente no Brasil, por exemplo?

    Obrigada.

    • Larissa,
      Será emitido um DARF que poderá ser pago na agencia bancária do aeroporto em REAL sempre, segundo informações que obtivemos de terceiros.
      Se algum visitante já passou por esse processo e puder esclarecer melhor seria legal ,pois nunca paguei nada em excesso ao voltar dos EUA.

      • Se voce passar da quota por alguns dolares, sem problemas, mas se voce tiver itens que ultrapassem a “quantidade” permitida para cada item, eles emitem um Termo de retenção de bens e Descaracterização de bagagem e voce perde tudo. Eles estao parando mesmo pessoas com duas malas. Experiencia propria.

  93. Oi Lilian td bem??? Parabéns pelo site ajuda muito nós brasileiros sem experiência como eu rsrs. Bom eu gostaria de saber de vc se pega mal eu viajar com malas vazias para miami meu esposo e eu pretendemos ir em Maio de 2013 no caso levaria umas duas trocas de roupa e compraria o resto aí. Desde já obrigada pela atenção Bjos!!!!

    • Ola Debora, não pega mal viajar com mala vazia nao todos sabem que os Brasileiros estão vindo as compras em Miami! Já estão famosos!!! Faz bem em trazer apenas algumas peças de roupas!! :)Pois vc vai querer comprar tudo!!!!
      bjs

  94. FALA MARCOS VOU PARA MIAMI AGORA EM MAIO E ESTOU PENSANDO EM TRAZER BASTANTE ROUPA PARA MIM, SERÁ Q ISSO PODE DAR ALGUM PROBLEMA NA ALFÂNDEGA?PERGUNTO ISSO POIS DEVO TRAZER BASTANTE CAMISA, COISA DE MAIS DE 100.DESDE JÁ OBRIGADO.

  95. Olá, sou do Rio de Janeiro e vou pra Orlando e depois pra Miami no carnaval e volto dia 20/02 pro rio (Voo Miami > Rio). Estou querendo comprar um Macbook de 2000$, mas to com muito medo da receita na volta.

    Pretendo tentar passar com ele sem declarar, e quero saber se caso eu seja parado tenho como “desenrolar” pra pagar no máximo o imposto sobre o que passa da cota dos 500$ (que seria 50% sobre 1500$), é possível ou com certeza terei que pagar a tal da multa?

    E queria também dicas sobre como eu devo passar para chamar menos atenção, tenho 17 anos, estava pensando em passar sozinho só com uma mala com o laptop dentro e deixar o resto das malas com meus pais, ou seria melhor passar eu e meu pai, com uma mala pequena pra cada e deixar o resto das malas com minha mãe para ela passar depois sozinha.

    E alguém chegou recentemente no Galeão? Como tá a rigorosidade da alfândega lá, eles tão parando muito?

    Desculpa pelo long post, obrigado, Lucas.

    • Vai muito da sorte lucas..
      Acho que o calculo do imposto é 50% sobre o que exceder sua cota , mas tem que confirmar.
      Quanto a como passar , sozinho, acompanhado, sinceramente não tem uma formula mágica.
      Boa sorte

      • Vlw pela resposta, Marcos. Mas o que realmente querosaber écaso eu seja parado, tenho como desenrolar para não ter pagar a multa? Caso seja parado, n me importo de pagar apenas 50% sobre o que exceder a conta (daria R$1500) mas tenho medo de ter que pagar o imposto sobre o valor integral + a multa de 50%, pq dai eu teria que pagar R$4000 a mais, ai eh quebra.

        Abs

        • Lucas se vc na entrada ja declarar, vc paga somente os 50%. se vc nao declarar e for pego ai vc se ferra e vai pagar os 50 + multa. Da uma lida no post que la ta tudo detalhado.
          abc

          • Sim, Marcos, eu já venho pesquisando sobre isso há um bom tempo e li atenciosamente o post, que está muito bom por sinal, já entendi direitinho como funciona. Mas a minha pergunta é se caso eu for pego sem declarar, eu consigo falar q já viajei com o note mas não tenho a notinha e pagar apenas o imposto, me livrando da multa

  96. Vou em breve para exterior e vou comprar maquiagem e coisas assim, não muitas coisas mas ainda sim fico preocupada com as taxas. Então gostaria de saber se costumam encrencar com isso.

    E quero comprar dois perfumes, posso trazer os dois fechados na bagagem de mão?

    • Olaá Gabriela, Leia o post da Ridalva sobre a experiencia dela na alfandega. tambem entre no Facebook do Guia e leia la os comentarios feito ontem a respeito da alfandega.
      Quanto aos perfumes, de jeito nehum leve na bolsa de mão, é PROIBIDO nos USA levar liquidos em bolsa de mao, eles jogam fora e não deixam levar liquidos dentro do aviao por causa de terrorismo. Nem garrafinha de agua eé permitido passar .nada que tenha liquido , ate maquiagem liq é proibido.
      sorte,
      L

    • ALGUNS RELATOS DEIXADOS NO FACEBOOK DO GUIA SOBRE ALFANDEGA :Para ler os relatos longos entre no Facebook do Guia.
      Arlene Daher – Estive em Miami e retornei em 15 de dezembro 2012, por São Paulo. Não tive problema nenhum.. Por Sampa sempre é tranquilo.Já desci em Brasilia,também não tive proble,mas, mas melhor mesmo é por SP.Ida e volta!
      há 16 horas · Curtir (desfazer) · 1

      Renata Maurer Ramos – Vou de 6 em 6 meses para EUA, e sempre foi bem tranquilo, sempre saio de Brasília e volto para Brasília. Mas desta ultima vez como as malas demoraram muito para serem liberadas, fui praticamente a ultima a passar pela alfândega, e pela primeira vez me …Veja mais
      há 16 horas via celular · Curtir (desfazer) · 1

      Priscila Azevedo – Retornei de Miami dia 29/12/2012 para São Paulo e não tive nenhum problema, eu estava com meu marido e 2 filhos pequenos e cada um levava uma mala + uma mochila e + algumas sacolas, considerando que cada passageiro pode levar até 2 malas, até que eu tinha pouca bagagem!
      há 15 horas · Curtir (desfazer) · 1

      Eduardo de Paula – Viajei pra Miami no ano novo com a minha familia (irmao e pais), voltei dia 7 de janeiro. Voltei somente com minha mala e uma mochila, passei sozinho pela alfandega e passei direto, nem me olharam. Meu irmao passou sozinho tambem e mesma coisa. Porem m…Veja mais
      há 15 horas · Curtir (desfazer) · 1

      Lilian Moleiro Franci – – Fui para Miami em Novembro/2012, de LAN, quando cheguei! NADA DE MALAS; Foi muito ruim, entregaram em casa no dia seguinte faltando muita coisa, ainda não sabemos onde foi o roubo: em Miami, em Bogotá (conexão) ou em Guarulhos. Estamos em contato dom a LAN mas as propostas são indecentes.
      Outro casal que fez a mesma conexão também chegou aqui em GRU sem as malas.
      há 15 horas · Curtir (desfazer) · 1

      Bianca Riato Viajamos para Miami e Orlando nessas férias de janeiro e passamos pela alfandega tranquilamente. Também, não compramos quase nada de eletrônicos, apenas um X BOX para o nosso filho, uma câmara fotográfica (na cota) e muitasssss roupas, tênis e etc. Mas…Veja mais
      há 15 horas · Curtir (desfazer) · 1

      Luciane Fischer Fui para Miami em out/2012.. Foi tudo tranquilo, mas cá entre nós, que diferença,hihihi..Passei pela salinha de vistoria, mas tudo tranquilo, só pq minha mala era volumosa e estava com minha filha, aí carregava as minhas malas e a dela…Mas tudo certinho, sem incomodações..Abraço..Ahhhhhhhhhhhh amei meu guia do que ganhei no sorteio Romero Brito, agora que outros brindes,rsrrs..Abraço

      • Show de bola esses relatos dos visitantes.
        A viagem para Miami ( ou para o exterior em geral) tem dois dois pontos chatos:
        a entrada no outro pais (imigraçao)
        e a volta ao Brasil ( alfandega)
        Tirando isso o resto é so alegria, rsss

  97. SOBRE MINHA EXPERIENCIA COM A ALFANDEGA NO BRASIL – Estive em Miami em Nov/2012 com meu marido e alguns amigos e minha experiência foi relativamente tranquila. Moro em Brasilia, mas desci em Recife onde deparamos com um fiscal que interrogou todos os passageiros da fila e a algumas pessoas mandava para o raio x e outras olhava as bolsas das mulheres. Sem dúvida alguma a quantidade de malas chamava mais atenção. Fiquei mais no final da fila e observei o trabalho…quando chegou minha vez ele perguntou com quem estava,olhou a quantidade de malas (só trouxe 2) e me perguntou o que comprei de eletrônicos e quanto paguei e liberou nossa passagem ( só trouxe uma máquina fotográfica e um tablet). Minha irmã desceu em BH e lá todos passam pelo raio x sem execção e a estratégia dela foi passar a frente de uma mulher que chamava a atenção pela aparência e quantidade de malas e assim ela deduziu que passaria desapercebida perto da outra mulher…deu certo. O restante do grupo desceu no RJ e quando perceberam ja haviam passado e nem notaram a fiscalização. Até a próxima.

  98. Tenho uma duvida,

    Vou a Miami no começo de Abril, vou trazer uma maquina fotografica profissional, no qual tenho direito, e um iphone 5, a duvida é a seguinte…eu tenho mesmo de deixar de levar meu celular pessoal para la? Porque não faz muito sentido…se a pessoa não conhece nada la, chega e fica perdido ou sem comunicação ate comprar o celular?

    E roupas esta entrando agora na franquia de $500 junto com perfumes? Se trouxer mais de um relógio na mala e disse que ja era meu, vão pedir a nota fiscal no brasil?

    Att.

    • Oi Lucas, tambem acho que nao faz muito sentido sobre o celular mas se a alfandega quiser te causar problemas eles irão, nao achas? Vc esta nas maos deles infelismente. Ja pedi para varios leitores do Guia para deixarem suas experiencias na alfandega para poder ajudar uns aos outros …mas nada. Se vc quiser escrever uma pergunta no Facebook do Guia …quem sabe alguem ja passou por esta situação e talvez te responde. Faça a pergunta ao publico e nao para mim.
      Quanto as roupas…eu sei que um conhecido foi cobrado 800 reais no aeroporto do Rio por que comprou muitas roupas.
      Alfandega eé questa6o de sorte na minha opniao.
      boa sorte,
      Lilian

  99. Oi Lilian.
    Irei viajar ao exterior em julho e quero trazer sapatos e roupas. Isso pode me prejudicar na alfândega de que modo?
    Meu único gasto lá vai ser com minhas compras. Quanto devo levar?
    Parabéns pelo site.

    • Olha Jeffy a alfândega ta pegando pesado pois todos turistas estão vindo as compras e a maioria para revender sem pagar os impostos devidos. Se vc esta vindo pra comprar para uso pessoal eu acho que da pra eles verem isso. Mas fique ligado na cota de $500, antes era só eletrônicos mas parece que agora estão pegando no pé de quem compra muita roupa também. Se eu fosse vc eu traria pouca roupa assim vc pode levar mais. Quanto ao dinheiro eu traria uns $500- $800 ( dólares) mais cartao de credito. Me escreve depois da sua viagem pra me dizer como foi na alfândega?? Obrigada!!
      Que bacana que vc gostou do Guia!
      Bjs
      L

  100. Acho que nao ficou claro na minha pergunta que pretendo levar o meu ipad do brasil(foi comprado aqui) para utilizar durante a viagem. A duvida é….ao retornar com o ipad eu devo fazer referencia a ele de alguma forma na dba ou devo passar para a fila NADA A DECLARAR e, caso solicitado, apresento a nota fiscal brasileira?

    • Ah ta Carlos .. Bem desse jeito sem problemas.
      Se seu iPad foi comprado no Brasil, procure levar a nota fiscal para evitar problemas e ao precisa declarar nada Nem na saída nem na entrada..
      Inclusive seu iPad deve ter um selo da anatel provando que ele foi homologado para ser vendido no Brasil.
      Depois conta pra gente
      Abc

  101. Ola,
    Qando eu retornar com o me ipad que vou levar do brasil devo fazer referencia a ele no dba u passo pela fila do NADA A DECLARAR e, se,pedirem, mostro a nota fiscal?

    • Carlos, diferente do que muita gente acredita o iPad não é isento de tributação. Logo você pode “tentar” passar direto sem declará-lo. Mas se for “pego”pela alfandega pagará multa pois o mesmo ultrapassa a sua cota de miserso 500 dolares (que alias é rídicula!)
      Abcs e boa sorte

  102. Voltamos de Miami Five final de outubro e infelizmente meu irmão foi parado na alfândega, ele estava com 02 malhas de roupas comprou, para uso pessoal, inclusive a maioria usada e não teve conversa, multaram em 4.000, 00, por isso, não tem regra, e sorte mesmo. Quem for, esteja ciente do risco, sem falar que ele só recebeu a multa pq não entenderam que revenda e pesquisaram a vida dele., senão tinham apreendido suas coisas, enfim, ficamos muito chateados….mas e o risco do consumo na terra do tio Sam!ah estava tudo sem etiquetas também…

    • Bem andressa, como ja dissemos estamos sujeitos a pagar multa com valores acima de 500 dolares. Vendo que seu irmão pagou 4mil reais de multa, nos leva a crer que ele tenha comprado pelo menos 8 mil reais de roupas. Com certeza ele ultrapassou e MUITO a cota. Mesmo que fosse para uso pessoal ele extrapolou um pouco nõ acha? :)
      Trazer um pouco acima da cota você pode até ser pego e vai pagar multa, mas não podemos exagerar e achar que os fiscais da alfandega vão ser condescendentes, pois se for detectado excesso eles com certeza vão lhe parar.
      A historia de seu irmão é um alerta para quem ainda vai para o Exterior e pretende fazer compras. Obrigado pelo seu relato.

  103. Eu vou para miami passar 5semanss vou levar poucas roupas pq quero comprar em miami mais roupas para passar o resto dos dias. Essas compras serão inclusas nos 500 dólares que tenho direito sem ter que pagar imposto?

    • Olá Leo! Olha no passado eles nao incluiam roupas mas parece que agora, que todo o Brasil esta vindo de compras em Miami, parece que algumas alfandegas incluem roupas, por exemplo eu ouvi dizer que a a alfandega do Rio eé super chata e inclui tudo. Um amigo meu teve que pagar 800 reais extra por causa de roupas. Acho que depende de sorte.
      Mas eu tiraria pelo menos as etiquetas da roupas. Se vc for vender roupas e quer a s etiquetas…eu ouvi dizer que algumas pessoas mandam as etiquetas pro Brasil por correio! ;)
      Bjs
      Lilian

  104. Olá,
    faço uso de medicamento diariamente. Há alguma restrição ou é necessário fazer alguma espécie de declaração?
    Obg.

  105. Oi Lilian.
    Tomo Herbalife e gostaria de levar bem como o leite em pó, tem algum problema?
    Precisa de nota ou outra coisa parecida? Existe alguma restrição para medicamentos como colírio, remédio para dor…
    obrigada.

    • Olá Ridalva Bem vinda de volta!
      Não tem problema trazer remedios ou o seu leite em pó contanto que não seja exagerado. Se eles veem que vc esta trazendo remedio para durar 1 ano aqui então vc terá problemas.
      Se for liquido Não traga na sua mala de mão pois eles jogam fora.
      boa sorte,
      Lilian

  106. […] Nos últimos dois anos, Argentina (40%), Estados Unidos (32%) e França (17%) foram os principais destinos turísticos do mundo indicados pelos brasileiros que viajaram a lazer, segundo a Pesquisa de Intenções de Viagem Global da Visa 2011. O principal motivo apontado pelos brasileiros que optaram pela Argentina foi a facilidade em chegar ao país, enquanto que nos EUA, a principal vantagem apontada pelos turistas foram as compras. Segundo os entrevistados, a facilidade em chegar ao país é o que mais motiva na hora de optar pelo destino. Já os Estados Unidos, com 32% dos votos, foram citados como principal roteiro para as compras.. […]

Deixe um comentário